Vai pegar fila na estrada ou nas exposições como O triunfo da cor: o pós-Impressionismo (CCBB) ou Picasso: mão erudita, olho selvagem (Instituto Tomie Ohtake)? Que tal um outro contexto para o troféu abacaxi? Em contraste com situações espinhudas, ele foi concebido para fazer parte de “momentos de alegria”. Para os europeus a fruta era um símbolo de hospitalidade. Por isso para servir drinques sofisticados feitos com a Elyx, vodca mais luxuosa da Absolut, a fabricante sueca desenvolveu este recipiente temático de cobre.

abacaxi

Uma rede de bares e restaurantes, escolhidos em função de seus mixologistas e da “alta gastronomia”, foi batizada de Pineaple Route. Ou seja, uma seleção de casas onde os especialistas usam o fruto de metal como “taça” para suas criações.  Em São Paulo, são eles Maní, Miya, Numero, Banana Café, Bossa, Chez Oscar e Sarau. Os  drinques variam entre R$ 65 e R$ 85.  Até 19 de junho.

No Chez Oscar,  a sugestão é o Ocean Drive (R$65)

Ingredientes:

  • 40 ml de vodka Absolut Elyx
  • 40 ml suco de pêssego
  • 20 ml suco de abacaxi
  • 20 ml de suco de limão
  • 10 ml de xarope de açúcar
  • 2 gotas de pimenta Cayenne

Guarnição: Uma pimenta inteira e duas folhas de limão.